Projeto Cooperar Paraíba, Brasil - PB. Portal do Beneficiário - Banco Mundial
Apresentação base_img

O Projeto Cooperar, criado pela Lei nº 6.523 de 10 de setembro de 1997, sucedâneo do Projeto Nordeste do Estado da Paraíba – PNE/PB, criado pela Lei nº 5.760/1993, constitui-se uma Unidade Administrativa de natureza autônoma e provisória, vinculada à Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão – SEPLAG.

O Decreto nº 29.005 de 28 de dezembro de 2007, aprova o Regimento Interno do Projeto Cooperar/PB, revogando o Decreto nº 19.328 de 26 de novembro de 2007.

Ente governamental responsável direto pela execução de políticas e projetos de desenvolvimento rural sustentável, focados na redução dos níveis de pobreza rural, o COOPERAR atua em toda Paraíba há quase 25 anos, dos quais esteve em estado latente no último quadriênio que antecedeu o atual período de gestão, iniciado em janeiro de 2011.

Sua retomada coincide com o segundo e último biênio programático, acordado com o BIRD para ser executado num quadriênio, cujas metas físicas e financeiras estão sendo cumpridas em regime intensivo, em apenas 02 anos – mais de 400 subprojetos com repasse contratado para comunidades rurais de 145 municípios, envolvendo recursos superiores a R$ 42 milhões. Isto precedido de ampla e intensa campanha de reestruturação/unificação/democratização dos conselhos municipais, único fórum de priorização dos pleitos encaminhados ao COOPERAR, à medida que se concebe e se implanta uma sistemática forma de abordagem, monitoria e avaliação, que possibilite o empoderamento do conhecimento de todas as fases do planejamento-diagnóstico,elaboração, execução, monitoria e avaliação por parte dos beneficiários.

O Projeto de Redução da Pobreza Rural – PRPR/Projeto Cooperar com abrangência em 222 municípios do Estado, excetuando-se assim João Pessoa, e atende comunidades rurais e sedes municipais com até 7.500 habitantes, tendo como prioridade as populações indígenas, quilombolas e assentados da reforma agrária.

As mulheres e jovens também recebem tratamento igualitário, no que se refere ao acesso aos benefícios do Programa.

A identificação e seleção dos subprojetos cabe às comunidades, através de suas Associações e Cooperativas. Aos Conselhos Municipais - CMDRS a priorização e o encaminhamento dos pleitos para análise e aprovação do Projeto Cooperar.

Os Conselhos Municipais constituem instâncias de natureza deliberativa, atuando como instrumento autônomo de articulação e mobilização social que tem como objetivo promover o fortalecimento das Associações Comunitárias e Cooperativas, através do processo de discussão entre os atores sociais contribuindo para o desenvolvimento rural sustentável e o desencadeamento de mudanças, como também construindo parcerias com a Sociedade Civil, Organizações Não Governamentais, apoiando de forma democrática, articulada e participativa os Programas e Políticas Públicas.

O PRPR é executado por meio dos componentes: Subprojetos Comunitários, Desenvolvimento Institucional e Administração do Projeto, Supervisão, Monitoramento e Avaliação de Impactos.

A implantação do Projeto resultará na melhoria da qualidade de vida de aproximadamente 35 mil famílias, por intermédio do financiamento de Subprojetos Comunitários, voltados para a provisão de infraestrutura básica e a criação de oportunidade de ocupação e renda, baseados no capital social existente.

Os subprojetos estão classificados nas seguintes categorias:
base_img

Infraestrutura
        

Compreendem investimentos que proporcionem facilidades a serviços públicos, às comunidades: Sistemas de Abastecimento D’Água (singelo e completo), Passagem Molhada, Cisternas, Melhoria de Acesso Rural, Complexo Sanitário Domiciliar, dentre outros;
base_img

Sociais
        

São investimentos de uso associativo orientados para a integração social e a melhoria de bem estar das comunidades: resíduos sólidos, atividades culturais, centro social de inclusão produtiva produção comunitária, dentre outros;
base_img

Produtivos

        

Compreendem investimentos de natureza produtiva a serem operacionalizados pelas Associações e Cooperativas, cuja produção esteja voltada para o mercado: Apoio à Apicultura, Caprinocultura, Piscicultura, Avicultura Alternativa, Agricultura Irrigada, Usina de Beneficiamento de Leite, Produção Artesanal, dentre outros.
base_img

Para a implementação de subprojetos comunitários, principal componente do Projeto Cooperar, a Unidade Técnica executa intenso programa de mobilização comunitária, veiculação de informação, capacitação, elaboração de projetos, consultoria e assistência técnica, visando assegurar condições objetivas para que as funções básicas de planejamento (Estudo, programação, execução, monitoria, acompanhamento e avaliação) sejam exercidas plenamente no contexto das ações realizadas e de conformidade com as instruções normativas do Banco Mundial, contidas no Manual de Operações – MOP.

Unidade Técnica do Projeto Cooperar
base_img
Rodovia BR 230, Km 14 – s/n – Estrada de Cabedelo - Cabedelo/PB
CEP 58.310-000



Escritórios e Gerências Regionais distribuídos no Estado da Paraíba
base_img

Gerência Regional de Areia
Rua Pedro Américo, 71 – Centro – Areia/PB
CEP 58.397-000

Gerência Regional de Itaporanga
Rua João Silvino da Fonseca, s/n
Centro Administrativo do Projeto de Irrigação Piancó – Bloco C
Itaporanga/PB
CEP 58.780-000

Gerência Regional de Patos
Rua Projetada, s/n – Jardim Magnólia – Patos/PB
CEP 58.701-370

Gerência Regional de Pombal
Rua Vicente de Paula Leite, 642 – Centro – Pombal/PB
CEP 58.840-000

Escritório Regional do Litoral
Unidade Técnica do Projeto Cooperar – sala 27

Escritório Regional de Monteiro
Unidade Técnica do Projeto Cooperar – sala 28

Escritório Regional de Campina Grande
Rua Benjamim Constant, 126 – Estação Velha – Campina Grande/PB
CEP 58.105-195

Escritório Regional de Cajazeiras
Av. Júlio Marques do Nascimento, 1472 – Jardim Oásis – Cajazeiras/PB
CEP 58.900-000

Governo do Estado da Paraíba
Projeto Cooperar
BR 230 - Km 14 - S/N - Estrada de Cabedelo - Cabedelo/PB - CEP 58.310-000
Telefones: PABX (83) 3246-8644 - FAX (83) 3246-7858


Desenvolvido por:
L Vieira Consultoria em Informatica