Projeto Cooperar Paraíba, Brasil - PB. Portal do Beneficiário - Banco Mundial

tree team esta dentro do seu sistema :)

base_img
25/07/2016 às 11h42min

Representantes da Secretaria de Desenvolvimento Humano, EMATER e Projeto Cooperar do Governo do Estado, agentes públicos da Prefeitura Municipal de Sapé, representantes sindicais ( Sintrafs e STRs), o gerente de negócios do Banco do Nordeste, técnico da INCUBES-UFPB, várias lideranças de Associações de agricultore(a)s familiares e ONGs ligadas à atividade na região, participaram de um encontro que ocorreu no auditório Centro de Beneficiamento e Comercialização da Agricultura Familiar para discutir as ações e a administração do centro.

Durante a reunião ficou definido as formas de participação e as respectivas responsabilidades das instituições parceiras, a contratação de técnicos pelo Governo do Estado e da Prefeitura Municipal de Sapé/PB, através de edital, para acompanhamento do empreendimento.

A gestão do centro se dará por um Grupo de Gestão Compartilhada - GGC, formado pelas instituições acima, por um período de incubação de 03 (três anos), de adaptação e capacitação dos beneficiários para a autogestão do centro.
O empreendimento teve sua instalação iniciada em 2005, com recursos financeiros oriundo do governo federal, aportados através do MDA-Ministério do Desenvolvimento Agrário, mas nunca funcionou, o prédio encontrava-se abandonado, depredado e sem o maquinário adquirido.

Para a recuperação do empreendimento, o Governo do Estado através do Projeto Cooperar e da Secretaria de Desenvolvimento Humano aportou mais de R$ 600. 000,00 (Seiscentos Mil Reais) mais uma contrapartida do MTE-Ministério do trabalho e Emprego, perfazendo um investimento que ultrapassa o montante de R$ 800.000,00 (Oitocentos Mil Reais).

A Central de Beneficiamento e Comercialização da Agricultura Familiar está sendo equipada com maquinário novo de alto padrão, em aço inox, conforme previsto na legislação do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento – MAPA, maquinaria esta, encontra-se em processo de aquisição pelo Governo do Estado através da Secretaria de Desenvolvimento Humano.

Além da maquinaria, que está sendo adquirida, o empreendimento ainda contará com um veículo caminhão tipo baú, para o transporte e distribuição dos produtos ali beneficiados para o mercado institucional (PAA/ PNAE) e mercado livre da região.

A Agroindústria funcionará nos moldes de Aliança Produtiva, beneficiando agricultore(a)s familiares assentados da reforma agrária, comunidades quilombolas, indígenas e camponeses tradicionais de 18 (dezoito) municípios das regiões da Várzea, Mata Norte e Mata Sul Paraibana.

A visão do Governo do Estado é potencializar os investimentos financeiros em setores estratégicos para maximizar os benefícios à população, no tocante a ocupação e geração de renda. Desenvolver o setor secundário da economia, através da agroindústria, viabilizando a agricultura familiar, produzir alimentos saudáveis, garantir segurança alimentar e nutricional, com impacto direto na mudança de hábitos alimentares nocivos à saúde humana, gerar renda, elevar o poder aquisitivo da população, aliada à agricultura agroecológica, constitui visão clara e determinada do governo, dos movimentos sociais e dos camponeses da Paraíba.

As Centrais Beneficiamento e Comercialização em Forma de Alianças Produtivas, serão instaladas em todas as regiões do estado, no agreste, exemplo de Sapé, Curimataú, Cariri e Sertão e funcionarão interligadas como uma rede de vasos comunicantes, onde uma suprirá a outra em sua demanda quando assim necessitar.
Para alcançar as metas o Governo do Estado da Paraíba vem trabalhando firme, forte e com determinação através dos diversos órgão tais como Projeto Cooperar, Empreender/PB. PROCASE, Secretaria de Desenvolvimento Humano, Secretaria da Agricultura Familiar, EMATER, e vários outros órgãos de governo, além de firmar parcerias com: BNB, BB, Centrais Sindicais, ONGs, UFPB, IFPBs, movimentos sociais CPT, MST, MAB, Quilombolas, Indígenas e comunidades tradicionais, num só objetivo, desenvolver a Paraíba e a vida dos nossos irmãos paraibanos, mesmo em época de crise avassaladora em que estamos vivendo.

Vale salientar que, a implantação daquela unidade de beneficiamento abre um leque de oportunidades que vão desde a geração de empregos para técnico(a)s até às unidades familiares de produção da agricultura familiar, possibilitando novos investimentos na base de produção de matéria prima que alimentara aquela agroindústria. Uma boa oportunidade para o PB-RURAL SUSTENTÁVEL investir nos quintais produtivos, agregando o reuso da água, gerando oportunidade e renda para os jovens e mulheres camponesas dos 18 (dezoito) municípios beneficiários.
base_img
Exibindo -9 a 0 de 125
2 3 4 5 6 7 13 Próxima
Governo do Estado da Paraíba
Projeto Cooperar
BR 230 - Km 14 - S/N - Estrada de Cabedelo - Cabedelo/PB - CEP 58.310-000
Telefones: PABX (83) 3246-8644 - FAX (83) 3246-7858


Desenvolvido por:
L Vieira Consultoria em Informatica